Sobral-CE tem o melhor ensino fundamental do país. Qual o segredo?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Qual o segredo da cidade cearense com o melhor ensino fundamental?

Localizada no Ceará, Sobral tem 208 mil habitantes e ganhou projeção nacional pelo rápido crescimento no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), indicador de desempenho da educação brasileira.
Em dez anos, a nota da cidade nos anos iniciais do ensino fundamental passou de 4,9 para 9,1, a mais alta de todo o Brasil. E o município tem ainda o melhor resultado nos anos finais do ensino fundamental, com nota 7,2, segundo o Ideb 2017.

A cidade se prepara agora para as avaliações de 2019.
Mas qual o segredo de Sobral? E será que a nota é sinal de qualidade da educação? A reportagem de Ecoa acompanhou uma estudante de escola municipal, conversou com responsáveis pela gestão e consultou dados e especialistas para entender como esse modelo educacional tem sido adotado por outros estados, em etapas de ensino distintas, com avanços no Ideb.

“É divertido ficar na escola”

Meio-dia e meia. Juliane Rodrigues da Silva, 10, já almoçou e está pronta para voltar à escola. Depois de ter passado a manhã tendo aulas de português, matemática e ciências na turma do 5º ano do ensino fundamental, está animada para as atividades complementares do “cursinho”, no período da tarde: produção textual, exercícios de matemática e revisão para provas.
“Não gosto de faltar. É divertido ficar lá estudando porque fazemos exercícios mais legais à tarde”, conta a menina, que já ganhou três medalhas da categoria ouro e uma medalha da categoria diamante pelo desempenho exemplar nas avaliações da escola.

Juliane foi almoçar em casa porque mora perto, mas poderia ter feito a refeição na escola, já que estuda em período integral e tem direito a café da manhã, almoço e café da tarde.Das 7h30 às 11h30, aprende a grade curricular tradicional. E, das 13h às 17h, tem aulas complementares, que permitem o contato com novos professores e preparam para as provas que medem o desempenho escolar.

A jovem estuda no Caic (Centro de Apoio à Criança) Raimundo Pimentel Gomes de Educação Infantil e Ensino Fundamental, uma escola municipal de Sobral (CE), cidade que lidera no ensino fundamental o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica no Brasil).

Sobral tem nota 9,1

Na última edição, em 2017, o Ideb de Sobral nos anos iniciais do ensino fundamental (do 1º ao 5º ano) foi de 9,1, nota bem acima da média nacional, que é de 5,8 nessa faixa escolar. A cidade, que fica a 230 km de Fortaleza, alcançou também a maior nota do Brasil nos anos finais do ensino fundamental (do 6º ao 9º ano), com 7,2. A média nacional é 4,7.

Em 2019, Sobral se prepara para uma nova rodada de avaliações, que acontecem a cada dois anos em todo o Brasil. As provas serão aplicadas no mês de outubro pelo Inep, e o desempenho dos estudantes terá impacto no Ideb.

A turma de Juliane se esforça para manter ou melhorar a nota que a escola teve em 2017, que foi de 9,3. Por isso, desde o início do ano, os alunos do 5º ano têm aulas em período integral, com reforço em português e matemática. “A gente sabe que o Ideb é importante e vai fazer este ano, então está estudando antes”, conta Juliane.

Evolução do Ideb em Sobral nos anos iniciais
do ensino fundamental

Qual o segredo de Sobral?

Na avaliação do secretário de educação municipal, Francisco Herbert Lima Vasconcelos, o ponto principal do modelo de Sobral é a valorização da alfabetização na idade certa. “Nós avaliamos que a alfabetização se constrói ainda no último ciclo da educação infantil, com materiais didáticos estruturados, utilizando o que há de bom em diferentes métodos de alfabetização e, a partir da própria estrutura da rede municipal de Sobral, essa prática se consolida. Tudo isso acaba fortalecendo a melhoria da aprendizagem e se materializa em bons resultados, como as notas do Ideb”, comenta.

O projeto foi implantado em 1997, quando a rede municipal, que atualmente conta com cerca de 35 mil estudantes, iniciou uma série de transformações. Na mesma época, pesquisas realizadas pelo Instituto Ayrton Senna apontavam que 40% das crianças de oito anos de Sobral não sabiam ler ao final do segundo ano do ensino fundamental. A instituição apoiou uma reforma profunda no sistema educacional da cidade, com duas metas objetivas: alfabetizar as crianças até os sete anos de idade e corrigir o fluxo escolar de alunos que cursavam séries seguintes sem dominar leitura e escrita.
“O primeiro passo foi a produção de material específico de alfabetização entregue a cada criança individualmente, estimulando, assim, a responsabilidade. O segundo passo foi a promoção de formação continuada para os professores, envolvendo-os como agentes fundamentais desse processo”, conta o professor João Batista Araújo e Oliveira, que era consultor do Instituto em 1997 e fez a coordenação técnica do projeto”.

Segundo o secretário Francisco Herbert Lima Vasconcelos, além de elaborar materiais pedagógicos adequados, a cidade passou a adotar um conjunto de políticas públicas a partir de 1997, ancoradas em três eixos centrais.

Três eixos das políticas educacionais de
Sobral

Fortalecimento da gestão escolar

Diretores e coordenadores são selecionados por meio de concurso público, com análise de currículo e formação, e não por indicação política.

Qualificação do trabalho nas aulas

Professores têm uma escola de formação continuada para auxiliar no planejamento de aulas e no desenvolvimento de materiais didáticos.

Valorização dos profissionais

Lei municipal garante o pagamento de bonificação e gratificação diretamente no contracheque dos professores, atrelado a metas de aprendizagem.

Resultados

Em dez anos, os resultados começaram a aparecer: em 2007, a avaliação de Sobral no Ideb para os anos iniciais do ensino fundamental foi de 4,9, superando a meta da cidade, estipulada em 4,0. Desde então, o crescimento tem continuado. Em 2009, o município tinha o 15º melhor resultado do país, com nota 6,6; em 2011, subiu para a 5ª posição, com 7,3, e, em 2017, atingiu
o 1º lugar no ranking nacional, com 9,1.

Facebook Comments
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *