Na contramão da crise, São João dos Patos promete um carnaval “top de linha”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

A crise econômica que atravessa o país afetou diretamente os cofres das prefeituras do Maranhão e do Brasil. Varias delas, já anunciaram o cancelamento da programação de festas carnavalescas neste ano de 2016. Aliás a tendência é que piore por conta das eleições municipais de outubro.

Cidades como Coelho Neto e Matões, já informaram aos foliões que não vai haver Carnaval e a justificativa é a diminuição de recursos distribuídos aos municípios.

Acredita-se que em grande parte do sul do Maranhão também haverá cancelamento das festas por conta da crise. As prefeituras que manterão a festa, devem procurar parcerias com o setor privado e o chamado consórcio de carnaval entre as prefeituras vizinhas, onde todos contratam as mesmas bandas, que revezam  o palco entre duas ou três cidades numa mesma noite.

Em São João dos Patos, ao contrário os nomes que surgem nas redes sociais, das possíveis bandas que deverão animar o carnaval deste ano, prometem um carnaval recheado de atrações de alto custo financeiro, nomes como: Gabriel Diniz, Tom de Alerta, Xé Pop, nos faz pensar que a crise passou por longe de nossa cidade, que bom! sinal que não teremos atrasos no pagamento de salários, teremos o aumento para os professores sem a necessidade de manifestações, servidores terão seus reajustes de 11,67% repassados sem problemas, entre outras coisas.

Este ano, que parecia ser um ano de enormes dificuldades, começamos bem, diferentemente dos outros municípios, que sentiram os cortes do governo federal, na educação, na saúde e segurança, nós de São João dos Patos, teremos um carnaval que promete ser “top” de linha, só espero eu, que isso não seja uma fantasia de carnaval, que depois de quatro noites de folia, tenhamos um hospital digno para o atendimento da população “doente” em vários sentidos da palavra, que nossas crianças e adolescentes tenham uma escola, com uma estrutura capaz de lhe proporcionar uma educação digna,  com profissionais capacitados e bem remunerados, que nós tenhamos uma cidade limpa, segura, com saneamento básico, bem alimentada e acima de tudo bem assistida, com seus direitos  respeitados, como todo cidadão merece.

Deixo claro aqui que nada tenho contra a festa de carnaval, (além do eterno mal cheiro de urina nas ruas próximas a praça de eventos) só não sei se este é o momento de se gastar tanto em algo que só durará apenas 4 dias, em um período tão difícil em que o país, o estado e o município passam, acho temos outras prioridades, mas, cada um sabe onde o sapato lhe aperta, esperemos que não tenhamos uma ressaca de carnaval na quarta-feira de cinzas e no restante do ano.

Facebook Comments
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Sem categoria