Eleições 2020 – Candidatos a vereadores devem se agrupar em um único partido

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Com o fim das coligações partidárias para as eleições proporcionais – vereador – em 2020, os partidos políticos devem apresentar listas fechadas com nomes dos candidatos aos eleitores. Especialistas já preveem que este pleito de 4 de outubro terá número recorde de concorrentes. Pela lei, vencem os que forem mais votados às vagas disponíveis em cada Câmara Municipal.

Esta tendência deve ser seguida em São João dos Patos e demais municípios da região. Dirigentes partidários também usam como estratégia nomes conhecidos do eleitorado e a força da própria legenda da qual fazem parte.

A tática é formar um chapão com 17 candidatos (número máximo permitido em nossa cidade) para vereador todos de uma única legenda, em nosso município muito provavelmente a tendência é que os partidos, PDT, PTB e PROS, tenham o maior número de candidatos.

Os dirigentes partidários ainda podem contar com novos nomes já com representação política eletiva em suas legendas ou mesmo perder os que têm. Até o dia 3 de abril, conforme calendário eleitoral, vereadores em mandato podem mudar da legenda livremente, sem que com isso sofram a perda do cargo.

Dos 7 vereadores da oposição 6 deverão migrar para o PTB, partido que possivelmente terá Dr. Alexandre concorrendo a majoritária,  Marcio do Kizoeira, também pré-candidato, deverá migrar para o PROS, os 4 vereadores da situação provavelmente seguirão para o PDT, partido da prefeita Gilvana, pré-candidata a reeleição.

Facebook Comments
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *