set 25

Lá vem o golpe! Grupo Sarney divulga vídeo forjado contra Flávio Dino

Preso confirma que recebeu proposta de dinheiro para fazer depoimento contra Flávio Dino

Em depoimento prestado junto à Superintendência Estadual de Investigações, Criminais na noite da última terça (23), o presidiário André Escócio de Caldas confirmou que recebeu promessas de regalias para gravar vídeo contra Flávio Dino. André figura em vídeo veiculado nos últimos dias pela TV e pela rádio Difusora, blogs ligados ao grupo Sarney, ao portal iMirante e ao jornal O Estado do Maranhão – propriedade da família Sarney.

Ouvido pelos delegados da Polícia Civil Tiago Mattos Bardal na noite de terça, André Escócio afirmou que o vídeo foi gravado há cerca de oito dias na sala do diretor da Central de Custódia de Presos de Justiça de Pedrinhas, Carlos Aguiar.

Para gravar o vídeo, o presidiário teria recebido “promessa de conseguirem um Alvará de Soltura e mais uma boa quantia em dinheiro, além do declarante (André Escócio) ficar ‘blindado’ (protegido) no sistema”, caso apontasse Flávio Dino, Patrícia e Weverton Rocha como mandantes do assalto ao banco do campus da UEMA. A declaração constando termo de declaração emitido pela SEIC.

André Escócio afirma que não participou do assalto ao banco, data em que estava detido em um presídio. O enredo para tentar incriminar Flávio Dino foi criado após conversas do presidiário com o diretor da CCPJ de Pedrinhas, Carlos Aguiar, que também prestou depoimento à Seis, na manhã desta quarta (24).

Divulgação do vídeo

O vídeo que foi veiculado pelo sistema de Comunicação e também pela campanha de Edinho Lobão foi gravado, segundo conta Escócio, por Nilson, identificado como chefe de Segurança. O presidiário conta ainda que se surpreendeu quando o vídeo foi veiculado em um dos programas da TV Difusora.

Ao assistirem o depoimento forjado no ar, os presos teriam começado a gritar “vai morrer, vai morrer”! O preso já está sob custódia, em sala separada, após os acontecimentos.

Depoimento do diretor

Apontado como responsável pela produção do vídeo, Carlos Aguiar diz que o caso foi gravado na presença de Nilson e com o agente penitenciário conhecido como “Robson”. No depoimento ele confirma que gravou o vídeo, porém ele não teria acreditado no depoimento em que, segundo o próprio Aguiar, o presidiário “queria ser o bonzão”. O diretor nega responsabilidade pela divulgação do vídeo. Após confirmar a autoria do vídeo, o notebook de Carlos Aguiar foi apreendido pelo delegado Tiago Bardal.

Investigação Federal

O vídeo foi postado originalmente de uma conta do youtube (canal para reprodução de vídeos) hospedada no Chile. Considerado crime eleitoral, ele passou a ser investigado pela Polícia Federal a pedido da coligação Todos pelo Maranhão, de Flávio Dino. A Polícia Federal e o Ministério Público vão apurar as responsabilidades pela criação e divulgação do vídeo em diversos meios de comunicação – incluindo a TV Difusora do candidato Edinho Lobão.

Caso Reis Pacheco

Não é a primeira vez que o clã Sarney apela para farsas e mentiras com o uso da mídia.

Lembremos do caso que envolveu o nome do ex-governador Epitácio Cafeteira em 1994, a revista “IstoÉ” divulgou matéria falando sobre a fortuna acumulada pelo ex-governador, sob o título “Carrões e Milhões”. Logo em seguida, Cafeteira também foi acusado pelo assassinato do ex-funcionário da Vale do Rio Doce, José Raimundo dos Reis Pacheco.
Este episódio, conhecido como Caso Reis Pacheco, vésperas de uma eleição para governador do Maranhão. Naquela época, Cafeteira que estava com uma vantagem de mais de 15%, foi acusado por Anacleto Pacheco de ser o mandante do assassinato.
“A farsa foi desmascarada em seguida, quando José Raimundo dos Reis Pacheco apareceu em público gozando de plena saúde. Ele estava morando em Monte Dourado, no Pará, onde trabalhava no Projeto Jari”.

Fonte: www.maranhaodagente.com.br

set 17

Justiça torna indisponíveis bens de ex-prefeito de Sucupira do Riachão

bensO juiz Rommel Cruz Viegas, titular de São João dos Patos, publicou decisão liminar na qual torna indisponíveis os bens do ex-prefeito de Sucupira do Riachão (termo judiciário), Juvenal Leite de Oliveira, em virtude de condenação por improbidade administrativa.  As acusações feitas versam sobre o desvio de verba pública, ao realizar contratações sem o devido processo licitatório, no ano de 2007, e cujos números chegam a mais de 270 mil reais. O pedido do Ministério Público refere-se à indisponibilidade de bens do ex-gestor, haja vista que em relação aos gastos executados ele já havia sido condenado.

Na sua defesa, o ex-prefeito acostou ao processo alguns documentos que comprovaram parte dos gastos, deixando sem explicação outras contratações. Em 2010, o Tribunal de Contas do Estado deu parcial provimento ao recurso de reconsideração pleiteado por Juvenal Leite, reduzindo para R$ 56.835,49 (cinqüenta e seis mil, oitocentos e trinta e cinco reais e quarenta e nove centavos) o débito imputado ao ex-prefeito.

Ao analisar todo o relatório, o magistrado observou que o ex-prefeito teria realizado, com indevida dispensa ou inexigibilidade a contratação de bens e serviços da ordem de 322 mil reais, e ressalta que o requerido já vem arcando com o débito imputado pelo TCE. O débito já vem sendo executado pelo Ministério Público perante a Justiça em São João dos Patos.

E esclarece: “Ante o exposto, decreto a indisponibilidade dos bens de Juvenal Leite de Oliveira, até o valor de R$ 113. 670,98 (cento e treze mil, seiscentos e setenta reais e noventa e oito centavos) acrescidos de juros e correção monetária, a contar da data da decisão do TCE (setembro de 2012) referente à multa civil, prevista no artigo 12 da Lei de Improbidade administrativa”.

Na decisão, o magistrado explica que as poupanças e contas bancárias, veículos e imóveis, de propriedade do ex-prefeito, estão indisponíveis, até que se atinja o referido valor. Após ser notificado sobre a decisão judicial, Juvenal Leite terá 15 dias para apresentar manifestação.

Fonte:

Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça

set 12

Suplente de Gastão Vieira, é ficha suja, decide TSE

Raimundo Monteiro teve sua candidatura cassada pelo TSE

Chapa de Gastão Vieira barrada pelo TSE

Em menos de trinta segundos o TSE cassou o registro de candidatura de Raimundo Monteiro, como primeiro suplente na chapa de Gastão Vieira para o Senado.

A decisão do TSE foi favorável à tese levantada pelo Ministério Público Eleitoral que enquadrou Raimundo Monteiro na Lei da Ficha Limpa.

Ex-presidente do Incra, o suplente cassado foi condenado pelo Tribunal de Contas da União.

Com a vaga aberta, uma nova crise surge na coligação sarneysista. Enquanto o PT acredita que a vaga é sua por direito, o vice-presidente do PMDB, Remi Ribeiro, trabalha nos bastidores para subir da segunda para a primeira suplência.

Fonte: http://blog.jornalpequeno.com.br/raimundogarrone

set 10

Flávio Dino chega a 58% de intenção de voto na DataM

O candidato Flávio Dino voltou a subir no primeiro levantamento de intenções de voto realizado após a reportagem da revista Veja que mostrou esquema de corrupção na Petrobras envolvendo políticos maranhenses. A governadora Roseana Sarney e o ministro Edison Lobão estão entre os envolvidos. O Instituto DataM foi a campo entre os dias 5 e 8 de setembro e colheu as intenções de voto 1.500 maranhenses. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para cima ou para baixo. A pesquisa foi registrada sob o número 0044/2014.

Na pesquisa, o candidato da coligação Todos Pelo Maranhão, Flávio Dino, obtém 58,2% das intenções de voto contra 24,6%, de Edinho Lobão. Zéluis Lago, do PPL, obteve 0,5% das intenções de voto e os candidatos Prof. Josivaldo, Saulo Arcangeli e Pedrosa têm 0,3% das intenções de voto cada um. Cerca de 6,2% dos eleitores pretendem votar branco ou nulo e 9,5% não sabem.

pesquisa

A rejeição de Edinho Lobão – aliado de Roseana Sarney e Edison Lobão – continua sendo a maior e subiu a 45%. Independente de quem o eleitor deseja votar, mais de 60% do eleitorado acredita que o oposicionista Flávio Dino irá ganhar a eleição deste ano.

Senado

Na disputa pelo Senado, o candidato da coligação Todos Pelo Maranhão segue na frente, com 30,1% das intenções de votos contra 24,3% de Gastão Vieira. Haroldo Saboia tem 2,7% das intenções de votos e Marcos Silva, 2,2%. Evan de Andrade tem 1,1% e Gersão tem 0,6%. E 27,7% estão indecisos.

Em relação à eleição presidencial, a presidenta Dilma conta com 47,9% das intenções de voto no Maranhão, contra 34,4% de Marina Silva. Aécio Neves tem 8,3% das intenções de voto e os outros pontuam todos menos de 1 ponto percentual.

set 09

Roseana Sarney e Edison Lobão: mais escândalos e vergonha nas grandes mídias

Já virou rotina nosso Estado e os nossa governadora fazerem parte de reportagens de denúncias e escândalos  nos principais veículos de comunicação do pais, dessa vez, Roseana Sarney juntamente com Edison Lobão ministro de minas e energia (pai de Lobão Filho), estão sendo acusados de fazerem parte de um suposto esquema de propinas junto a Petrobras.

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto da Costa está depondo em Curitiba, onde está preso, em troca de uma possível redução de pena. Em uma espécie de acordo com o Ministério público, ele conta o que sabe, constatando-se que os fatos são verdadeiros ele recebe a redução de pena. Sua mas recente revelação aponta um esquema de propina envolvendo políticos e a Petrobras.

Uma reportagem publicada neste sábado dia 06 de setembro, pela revista Veja trouxe o que seriam os primeiros nomes citados por ele. Segundo a revista, há três governadores, um ministro, pelo menos 25 deputados federais e seis senadores citados, do PT, do PMDB e PP, partidos da base aliada do governo.

Os citados como beneficiários do esquema são o ministro Edison Lobão, de Minas e Energia, do PMDB do Maranhão; o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, do PMDB, atual candidato ao governo do Rio Grande do Norte; o presidente do Senado, Renan Calheiros, do PMDB de Alagoas; os senadores Ciro Nogueira, do PP do Piauí e Romero Jucá, do PMDB de Roraima.

Entre os deputados estão o petista Cândido Vaccarezza, de São Paulo, e João Pizzolatti, do PP de Santa Catarina. O ex-ministro das Cidades e ex-deputado Mario Negromonte, do PP, é outro apontado no depoimento, segundo a Veja.

Ainda segundo a revista, da lista de três governadores, todos são de estados onde a Petrobras tem grandes projetos em curso: Sérgio Cabral, do PMDB, ex-governador do Rio de Janeiro; Roseana Sarney, do PMDB, atual governadora do Maranhão; e Eduardo Campos, ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência da República pelo PSB, morto no mês passado.

Mais uma para a conta da atual governadora do Maranhão, que vem se tornando figurinha fácil no Jornal Nacional e Fantástico da rede Globo, sempre com reportagens de denúncias e acusações.

Roseana, Lobão e Paulo Roberto Costa.

Roseana, Lobão e Paulo Roberto Costa.

set 09

11 pesquisas apontam vitória de Flávio Dino no 1° turno no Maranhão

Fonte: Edgar Ribeiro

Com 11 pesquisas em mãos e faltando menos de um mês das eleições, no uso da matemática e da estatística analisa e conclui sobre as eleições 2014 para governador no Maranhão.

pesquisafinal

ANÁLISE 

Usando a própria metodologia do Ibope, passemos à análise.

INTERVALO DE CONFIANÇA

Segundo o Ibope, os resultados de uma pesquisa devem ser interpretados dentro de um intervalo que estabelece limites em torno da estimativa obtida: o chamado intervalo de confiança.  O mais usual é trabalhar com intervalos com 95% de confiança, considerando uma margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Por exemplo: Para um candidato com intenção de voto fixada em 30%, o intervalo de confiança dele, com uma confiabilidade de 95%, seria de 27% a 33%.

Trabalhando com as pesquisa feitas no Maranhão, veja a margem de erro de 3% pra mais e pra menos tanto pra Lobão Filho como para Flávio Dino.

ERRO

INTERPRETAÇÃO DOS RESULTADOS

Ainda, segundo o Ibope, só é possível chegar à conclusão de que uma candidatura está crescendo ou caindo se houver vários períodos consecutivos de aferição, com pelo menos três deles seguindo na mesma direção.

O Ibope adverte que, para se dizer que um determinado candidato cresceu ou caiu sem errar, é preciso analisar a evolução do seu desempenho numa série de pesquisas e não somente comparar, isoladamente, a pesquisa atual em relação à anterior.

No caso, este blog está trabalhando com 11 pesquisas já feita e nas quais o candidato Flávio Dino manteve tendência de crescimento e distanciamento de Lobão Filho.

Com base nestes dados e a evidente vontade da população maranhense, conclui pela vitória do candidato Flávio Dino no primeiro turno das eleições 2014 para governador do Maranhão.

O resultado vai oscilar de 50% a 56% para Flávio Dino e 21,8% a 28% para Lobão Filho Mesmo diante das notícias de fraude que estão sendo preparadas.

set 04

Professores de Nova Iorque fazem greve por valorização da carreira

Professores da cidade de Nova Iorque, continuam sem perspectivas para o desfecho da greve geral dos trabalhadores em educação na cidade. A mobilização foi deflagrada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (SINPROESEMMA) no dia 14 de junho, após o prefeito da cidade não oferecer propostas para a valorização  dos profissionais e melhoria da educação pública.

 greve

Uma das pautas da categoria cobra o pagamento do abano salarial, por meio da transferência das sobras do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), recurso repassado mensalmente pelo governo federal para o pagamento de professores. Os docentes reivindicam que os recursos não utilizados no ano passado pelo gestor devem ser transferidos para as contas dos trabalhadores.

Além disso, a categoria também cobra melhorias na infraestrutura das escolas e das condições de acesso aos colégios. Os trabalhadores denunciam que, para chegar às unidades de ensino, muitas vezes é necessário percorrer vários quilômetros de estrada sem asfaltos, atravessar pontes de madeiras que podem cair e, quando chegam à escola, ainda se deparam com lixo que divide o ambiente escolar.

pontão

Segundo a coordenadora, Francisca Gonçalves Araújo, a falta de alternativas para solucionar os problemas da categoria levou os trabalhadores a deliberarem pela paralisação da rede de ensino. “Por conta da falta de diálogo, decidimos entrar em greve como último recurso na tentativa de solucionar os problemas da rede”, explica a coordenadora do núcleo do SINPROESEMMA em Nova Iorque.

Desvio no INSS:

Além dos problemas de valorização e da falta de infraestrutura nas escolas, os trabalhadores enfrentam irregularidades no repasse da Previdência Social. Segundo a coordenadora do núcleo, a prefeitura não faz os repasses corretos, o que pode prejudicar na hora da aposentadoria.

Fonte: SINPROESEMMA

set 02

Reconstrução da Praça Getúlio Vargas em São João dos Patos

20140831_122840Começou a reconstrução da Praça Getúlio Vargas no centro de São João dos Patos, embora no Portal da Transparência a obra esteja intitulada como reforma, a imagem mostra que se trata de uma reconstrução mesmo.

A praça que dá acesso à prefeitura e a futura câmara dos vereadores já foi um dos principais pontos turísticos da cidade, local onde se realizavam as festas de carnaval e se concentravam grande número de barzinhos e ponto de encontro bastante freqüentado por jovens em busca de lazer e diversão.

20140831_122855Hoje a realidade da Praça é bem diferente, a última reforma realizada no governo do então prefeito Celso, tornou-a uma via de mão única, mas, que é utilizada por veículos nos dois sentidos, causando transtornos e engarrafamentos em dias de maior movimento, principalmente quando caminhões estacionam na mesma.

Hoje o local não oferece quase ou nenhum lazer a população, a praça que faz parte da história de São João dos Patos se desgastou, tornando-se obsoleta, sem utilização prática, pois nela não há parquinho para as crianças, bancos e nem plantas, elementos básicos para uma praça e depois da construção da praça de eventos na avenida Presidente Médici, quase ou nenhum movimento artístico e cultural se realizou naquele local.

 20140831_122940Ponto positivo.A reconstrução da Praça Getúlio Vargas, segundo o Portal da Transparência, irá custar R$ 390.000,00, cedidos pelo Ministério do Turismo. Tal obra no meu ponto de vista hoje se faz necessária, já que há mais de 10 anos, a praça não passa por nenhuma reforma e por se tratar de uma das avenidas mais antigas do nosso município, com importante relevância no contexto histórico e cultural, merece ser reformulada de forma que se torne mais proveitosa e bonita.

 Ponto negativo. Confesso que pesquisei o custo da ultima reforma da Praça Getúlio Vargas e não obtive sucesso, mas, me lembro que na época foi considerado um custo elevado e agora com a reconstrução da citada praça, fica a sensação, que aquele dinheiro foi jogado fora, pois reconstruir significa não utilizar nada do projeto original e  cabe ressaltar que isso não é culpa do Gestor atual.

Como era a praça antes da reforma

Praça Getúlio Vargas antes de inicializar a reforma.

Jakson Duarte.

ago 31

Flávio Dino afirma compromisso de melhorar a saúde em São João dos Patos

Em São João dos Patos, durante carreata e caminhada, acenos e abraços fizeram parte da recepção a20140829_213358os candidatos.

Para acabar com a procissão para o Piauí em busca de atendimento de saúde, o candidato a governador da Coligação Todos pelo Maranhão, Flávio Dino, reafirmou o compromisso de melhorar o sistema público de saúde de São João dos Patos.

De Flávio Dino, firmou o compromisso de melhorar os serviços públicos. O candidato voltou a destacar a beleza do Estado e o abandono das regiões. “Nós confiamos na força do povo do Maranhão, que é maior que qualquer poder”, enfatizou.

Sobre a saúde, Flávio assumiu o compromisso de investir na UPA, projeto do governo federal de pronto-atendimento, para que funcione de forma a resolver problemas da população. Além disso, apresentou outras propostas de governo, como o investimento em políticas sociais com a criação do Mais Bolsa Família, o complemento do piso dos agentes comunitários de saúde e o reforço na educação, com mais qualidade para professores e alunos.

Para Roberto Rocha, chegou a hora da virada de página. Com todos os Estados em desenvolvimento, o Maranhão não pode ficar parado. Para isso, acredita que a população dará esse voto de confiança. “Eu e o Flávio estamos liderando as pesquisas, mas pesquisa é apenas intenção de voto. Para vencer, precisamos que os maranhenses garantam a vitória do Maranhão. Temos que mudar o nosso Estado e para isso temos que mudar a política”, analisou.

Filho da região do Sertão maranhe20140829_213505nse, o vice Carlos Brandão lembrou a unidade da oposição: “Fico orgulhoso de ser um vice representante dessa região. Chegou a hora do Maranhão. Basta do nosso Estado ser notícia só em casos penitenciários, de roubo, de mala com dinheiro. Esse grupo aqui é ficha limpa e vai trabalhar para fazer a mudança que o Maranhão precisa”, afirmou.

A atividade foi acompanhada por diversos candidatos a deputado federal e estadual da coligação.

ago 27

Eleições 2014: Debate da Band, ninguém ganhou e ninguém perdeu

debate2fut

O primeiro debate presidencial das eleições 2014 na Band foi muito mais movimentado do que o de eleições anteriores. Talvez o fato de existirem três candidatos disputando uma vaga no segundo turno permitiu mais interação entre eles.

Ninguém ganhou e ninguém perdeu.

Aécio, Dilma e Marina Silva defenderam seus programas e suas histórias políticas.

E ninguém se atacou de maneira mais grosseira ou rude.

Foi um debate de bom nível.

A grande escorregadela da noite acabou sendo de Marina Silva, exatamente ela que estava indo bem e entrou no estúdio como a estrela da noite, embalada pela pesquisa Ibope. Ela  se embananou toda numa pergunta de Levy Fidelix, o homem do Aerotrem, que a atropelou falando de Neca Setúbal, do Itaú, e Guilherme Leal, da Natura.

Marina ficou visivelmente irritada e saiu em defesa dos aliados, dizendo que a primeira era educadora o que segundo tem compromisso histórico com a sustentabilidade e o meio ambiente. E que ela não tem problema nenhum com quem é de elite. Que o problema do Brasil não é a sua elite. E ao final, cravou a pior das suas frases. Disse que Chico Mendes também era de elite tanto quanto Guilherme Leal.

Esse foi um dos temas mais debatidos no twitter. Muita gente se indignou com a frase de Marina. No twitter, quem também fez muito sucesso foi Eduardo Jorge, do PV. Ele defendeu a legalização do aborto e das drogas. E ainda deu uma provocada em Marina, pedindo-lhe para parar de apertar sua bíblia, que provavelmente estava em cima do púlpito  onde ela estava, porque senão a bíblia iria ficar tão magrinha quanto ela.

Outro momento quente do debate foi quando Aécio e Dilma debateram a Petrobrás. Dilma atacou de Petrobrax e da plataforma que afundou no mar no governo do PSDB e disse que o discurso do tucano era uma leviandade. Aécio devolveu a leviandade pra Dilma, falando que a empresa nunca se viu envolta em tanta corrupção.

O debate serviu para testar hipóteses. Os marqueteiros certamente estavam fazendo pesquisas qualis para verificar em que momento os argumentos dos seus candidatos fizeram mais estrago na campanha dos adversários.

Ninguém ganhou e ninguém perdeu, mas alguém pode ter passado o recibo que a outra campanha vai usar daqui pra frente.

Marina piscou quando confrontada com a influência que Neca Setúbal e Guilherme Leal exercem ou podem exercer sobre ela.

No final do debate, Boris Casoy fez a pergunta mais estapafúrdia. Quis saber o que Eduardo Jorge achava do projeto do controle da mídia e Dilma avançou no tema. Disse que defende a regulação econômica do setor, porque é contra o monopólio. Os irmãos Marinho devem ter se ligado neste momento. E acertado que vale qualquer um para derrotar Dilma.

Na sua fala final, Aécio diz que não dá pra o país nem continuar como está e nem entrar numa aventura, dando a entender que falava da candidatura de Marina. E anunciou que seu ministro da Economia será Armínio Fraga.

Na verdade, Aécio deixou para o final dois anúncios. O nome do ministro da Economia e a forma como vai atacar Marina. Vai dizer que ela é uma aventura.

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress