abr 25

Vendo o barco afundar Grupo Sarney tenta Apelar pro “Tapetão”

Com o nome mais queimado que fundo de panela,  sem conseguir alavancar o nome da herdeira do clã que acabou com nosso estado e nos colocou com piores índices  possíveis, na educação, saúde, segurança, corrupção, desvios, escândalos, o grupo Sarney tenta de todas as formas se manter vivo na política, a estratégia é conhecida,  uso da mídia golpista para espalhar as mentiras, criação de fakenews e agora uso da máquina nacional através ,  do aliado Michel Temer.

Esse “costume” já é corriqueiro, basta lembrar da ação que causou a cassação de Jackson Lago, após a derrota da princesa da oligarquia nas urnas.

Veja o que disse o governador Flavio Dino nas redes sociais

“A máfia maranhense agora quer intervenção federal no Maranhão, com base em um papel assinado por um oficial do 5º escalão da PM. Não querem eleições, querem “tapetão”. Deve ser saudade do tempo da ditadura militar, quando mandavam sem ter votos.

No esdrúxulo pedido de intervenção federal, a máfia demonstra insatisfação contra a Polícia que tirou São Luís das 50 cidades mais violentas do mundo, acabou com o caos em Pedrinhas, reduziu os crimes violentos. Sarney não deve gostar desses êxitos.”

“Recentemente a Polícia do Maranhão desmontou uma quadrilha de contrabandistas de alto escalão que movimentava milhões de reais. Então, por coincidência, surgiram vários factoides contra a Segurança Pública”, Analisou o governador.

 

abr 21

Flávio Dino exonera oficial da PM que ordenou espionagem de adversários políticos

O governador Flávio Dino determinou, nesta sexta-feira (20), que o oficial da Polícia Militar acusado de ter  o monitoramento de políticos que atuam na oposição ao Governo do Estado nos municípios que integram o interior do estado, por suposto “embaraço ao pleito eleitoral”.

Flávio Dino armou ser absurdo imaginar que um papel assinado por um oficial da PM possa ter sua orientação, apoio ou concordância. Flávio Dino diz que já mandou apurar por que o oficial assinou o papel e que o mesmo irá responder processo disciplinar para esclarecer os fatos.

O documento, encaminhado para todas as unidades da PM no interior do estado subordinadas ao comando, determina o envio de respostas em caráter de urgência , tendo como referência outro memorando o de número 098/2018 que “versa sobre o Levantamento Eleitoral”.

A circular da PM destaca dois principais pontos aos comandantes da Polícia Militar que atuam no interior. O primeiro, sobre o monitoramento da oposição nos municípios e o segundo sobre a atualização de dados do efetivo, nos respectivos municípios de atuação.

O Comandante da Polícia Militar do Maranhão, Cel. Jorge Luongo, por meio de nota, informou que o comunicado feito pelo comando do policiamento de Barra do Corda, determinando o “chamento” de adversários políticos do governo, é um equívoco grave e sem precedentes, não autorizado pelo Comando da PM.

“A Polícia Militar do Maranhão vem a público esclarecer que o documento que circula nas redes sociais onde supostamente se determina às Unidades do Interior que identiquem lideranças antagônicas ao Governo Local e Estadual é um equívoco grave e sem precedentes, não autorizado pelo Comando da Instituição Policial Militar, que na sua gênese procurava tão somente catalogar dados informativos e estatísticos que subsidiassem um banco de dados para a elaboração do planejamento do policiamento das eleições 2018.

Informa que logo que este equívoco foi identificado, tomou medidas imediatas para corrigir tal erro e tornar sem efeito tais medidas, assim como instaurou um procedimento de apuração legal para as devidas providências que o caso requer”, armou Jorge Luongo.

abr 21

Governo envia caminhão com ajuda para prejudicados pela chuva em Tuntum

O Governo do Maranhão preparou nesta sexta-feira (20) mais uma carga de ajuda a moradores prejudicados pelas fortes chuvas que vêm caindo no Maranhão. O caminhão foi abastecido em São Luís para seguir até a cidade de Tuntum.

“A gente está dando continuidade às ações de assistência às famílias afetadas pelas chuvas e hoje estamos enviando mais 4,5 toneladas de cestas, colchões, redes e filtros para atender a população desabrigada e desalojada em Tuntum”, diz o secretário de Desenvolvimento Social, Francisco Oliveira Júnior.

Ele conta que, desde o início das chuvas e a partir do momento em que os municípios decretam estado de calamidade, o Estado tem agido de forma ágil e efetiva.

“A gente consegue atender a comunidade afetada no menor prazo possível. Já foram enviados itens para todas as comunidades que precisam desse tipo de assistência”, acrescenta Oliveira.

Apoio

A assistência do Governo do Maranhão envolve diversas esferas. Além do envio de cestas básicas, água limpa, filtros e outros itens, também foram distribuídas refeições prontas para atender os moradores.

A Defesa Civil está nos municípios fazendo resgates, remoção e outros trabalhos. Profissionais da Força Estadual de Saúde do Maranhão (Fesma) fazem atendimentos para evitar disseminação de doenças típicas de enchentes.

Os bombeiros também estão fazendo o cadastramento de famílias para receber o Cheque Minha Casa. Como as inundações e alagamentos danificaram moradias e muitas famílias perderam bens materiais, além de enviar mantimentos, o Governo do Estado vai conceder cheques no valor de até R$ 5 mil para reconstrução da moradia e compra de eletrodomésticos e móveis. A inclusão no benefício e o valor do cheque vão depender da extensão dos danos.

Serão beneficiadas famílias dos municípios do interior que decretaram situação de emergência, devido a inundações e alagamentos causados pelas fortes chuvas desde abril. Para receber o benefício, o Corpo de Bombeiros, junto à Secretaria Estadual de Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), está fazendo o cadastramento dos beneficiários e a mensuração do valor do cheque. A loja que receber o Cheque Minha Casa terá desconto do ICMS.

Fonte: Secap
Fotos: Carlos Pereira
21/04/18

 

abr 14

1.623 famílias afetadas pelas chuvas no Maranhão, diz Defesa Civil

Cheia do Rio Mearim deixa mais de 130 desabrigados em Pedreiras (MA). (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Os números atualizados da Defesa Civil estadual apontam que já são 1.623 famílias afetadas pelas fortes chuvas que caíram no Maranhão nos últimos dias. São 19 cidades com eventos adversos relacionados a enxurradas, alagamentos e inundações, além da situação de famílias desabrigadas.

Os atuais municípios afetados são: Marajá do Sena, Pedreiras, Trizidela do Vale, Nina Rodrigues, Lago dos Rodrigues, Presidente Vargas, Brejo, Paulino Neves, Bacabal, Imperatriz, São João do Sóter, Tuntum, São Luiz Gonzaga, Rosário, Timbiras, Cantanhede, Caxias, Codó e Formosa da Serra Negra.

Em oito dos municípios afetados já foi decretada Situação de Emergência: Marajá do Sena, Pedreiras, Trizidela, Lago dos Rodrigues, Presidente Vargas, Brejo, São João do Sóter e Tuntum.

Segundo a Defesa Civil, dentro do plano de contingência um posto de comando foi instalado em Trizidela do Vale para realizar o atendimento dos municípios do Centro Maranhense, banhados pela bacia hidrográfica do Mearim, local onde está a maioria das cidades com quadro de inundação.

Chuvas no Maranhão

Após o grande volume de chuvas que caiu durante toda a semana no estado, as cidades mais atingidas pelas cheias tentam se recuperar dos estragos causados. Em Tuntum, a 365 km de São Luís, a chuva quase devastou a cidade durante a maior enchente em 30 anos registrada na região.

Após o transbordamento do rio Itapecuru em Codó, a 290 km de São Luís, equipes da Defesa Civil e do Exército se mobilizam para resgatar as vítimas das enchentes. O trecho BR-135 entre Presidente Dutra e Dom Pedro que foi destruída com a força da enxurrada, já foi recuperado metade da pista. Uma equipe do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) trabalha no local para liberar a segunda parte da via.

Oficiais do Exército ajudam a resgatar as vítimas da enchente em Codó (MA). (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Como ajudar

Em São Luís, a Cruz Vermelha e a ‘S.O.S Tuntum’ estão recebendo donativos em vários pontos da cidade. As doações serão levadas para famílias em municípios afetados pelas chuvas.

Pela Cruz Vermelha Brasileira é possível contribuir levando doações à sede da filial do Maranhão da Cruz Vermelha Brasileira, que fica na Avenida Getúlio Vargas, 47, Monte Castelo, São Luís. Outra opção é fazer uma doação em dinheiro pela conta da Cruz Vermelha Brasileira no Banco Sicoob, agência 4327, Conta Corrente número 4082-7, CNPJ: 33.651.803/0001-65, ou por aqui. Para tirar dúvidas, também é possível ligar nos números 3249-9712, 9 8832-7249 e 9 9136-7276.

Já a ‘S.O.S Tuntum’ está recebendo doaçõs na Parada Obrigatória (Localizada na Ponta d’Areia); Tom Music (Av. São Luís Rei de França, Turu); e na Onda Lava Jato (Av. Mario Andreazza, Turu). Para mais informações sobre o grupo, basta entrar em contato nos números: Marcelo Bala (99991-0626), Indira Moura (99133- 2370), Arsenio Filho (98152-0206) e Helanne Sá (98877-5658).

'S.O.S Tuntum' está reunindo doações que serão levadas nesta semana para a cidade (Foto: Indira Moura)

abr 14

Maranhão será o primeiro estado do Nordeste a produzir energia por meio do lixo

Em boa parte do mundo, o problema do lixo se transformou em solução energética. A produção de energia a partir do lixo já começa a ganhar escala no Brasil. É o que chama-se de biogás, a parte orgânica do lixo, que é aquela composta principalmente de restos de comida, podas de árvore ou qualquer resíduo de origem animal ou vegetal, que leva aproximadamente seis meses para se decompor e virar gás metano, um gás de efeito estufa, de fácil combustão.

Segundo a Agência Nacional de Energia (ANEEL) , A produção de energia elétrica no Brasil a partir do biogás , em 2017, foi 14% superior a geração comparada ao mesmo período do ano anterior, uma geração de 1.065,5 MWh/ano por ano. Considerando a média per capita de consumo de energia em 2016, que foi de 2,266 MWh por habitante, a atual capacidade instalada de biogás poderia alimentar uma cidade de quase 470 mil pessoas, conforme os cálculos da Associação Brasileira de Biogás e Biometano. Apesar do significativo avanço do setor nos últimos anos, essa é só uma mínima parte da capacidade de produção do Brasil e equivale a apenas 0,0817% da matriz elétrica brasileira, de acordo com a ANEEL.

São Paulo, Paraná e Minas Gerais são exemplos de estados que já aderiram ao sistema. Agora é a vez do Maranhão. O Governo do Estado do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA), deu início às tratativas e o planejamento já está em andamento com a empresa Enc Energy, por meio do Projeto Valorgás, e a empresa Titara, que é gestora da Central de Gerenciamento Ambiental Titara S/A, localizada no município de Rosário/MA, para onde são destinados os resíduos de quase todos os municípios da Região Metropolitana da Grande São Luís, especialmente da capital, São Luís. “Temos o maior interesse em trazer esse investimento para o Estado, é energia limpa, um benefício, que além de tudo, minimizará os impactos ambientais causados pelo lixo”, disse o Secretário de Estado de Meio Ambiente, Marcelo Coelho.
A usina gerará, inicialmente, 2 MWh de energia elétrica, o suficiente para abastecer cerca de duas mil residências populares, conforme a Enc Energy. Mas, ideia é chegar até 5 MWh.

“A produção do biogás desponta como uma fonte alternativa de energia e também como uma solução para vários aspectos econômicos, sociais e ambientais. Ambientalmente falando, com a produção do biogás por meio do reaproveitamento, deixa-se de contaminar o solo, lençóis freáticos, rios e açudes. Além disso evita-se lançar na atmosfera gases de efeito estufa como o metano e dióxido de carbono produzidos pela decomposição dos dejetos. Esses gases provocam a elevação da temperatura do planeta”, nalizou Marcelo Coelho.
Vantagens
São várias as vantagens: redução dos custos de exploração; criação de fontes de receita adicional; cumprimentos de obrigações ambientais; redução de contaminação de efluentes; tratamentos de efluentess contaminados; redução de emissões de GEE; biogás como combustível renovável.

abr 09

Presidente do TJMA empossa nova juíza da comarca de São João dos Patos

A cerimônia de posse ocorreu no Gabinete da Presidência (Foto: Ribamar Pinheiro)

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, empossou, nesta segunda-feira (9), a nova juíza da comarca de São João dos Patos, Nuza Maria Oliveira Lima.

A magistrada foi removida, a pedido, pelo critério de antiguidade, da comarca de Alto Parnaíba. A decisão foi tomada durante sessão plenária administrativa ordinária do Tribunal de Justiça, realizada no dia 7 de março deste ano.

Nuza Maria Oliveira Lima ingressou na magistratura em 2016, sendo titularizada como juíza da Comarca de Alto Parnaíba. Respondeu também por um ano pela Comarca de Tasso Fragoso. Neste período, proferiu mais de mil e quinhentas sentenças.

“Na nova comarca, continuarei exercendo as atividades judicantes obedecendo à Constituição Federal e valorizando os princípios da magistratura, julgando sempre com ética e imparcialidade”, ressaltou Nuza Maria Oliveira Lima.

Prestigiaram a cerimônia os desembargadores José Jorge Figueiredo dos Anjos, Bayma Araújo e Luiz Gonzaga Almeida Filho.

A leitura do termo de posse foi feita pelo diretor-geral do Tribunal de Justiça, Mário Lobão. O desembargador Joaquim Figueiredo desejou sucesso à magistrada na nova unidade judicial.

Assessoria de Comunicação do TJMA

mar 26

Adelmo Soares deixa a Secretaria de Estado da Agricultura Familiar e é homenageado por prefeitos e pelo governador Flávio Dino

Em um dia inesquecível, com homenagens de todas as partes, o pré-candidato *Adelmo Soares* se despediu, na última sexta-feira, 23, da pasta da Agricultura Familiar do Governo do Estado. A partir do mês de abril, Adelmo segue em *uma nova missão em busca de uma vaga na Assembleia Legislativa do Maranhão* para continuar *na luta pela agricultura familiar e na construção de um #MaranhãoDeTodosNós*.
Durante evento realizado pela no palácio Henrique de La Rocque para o lançamento do *Programa de Aquisição de Alimentos Estadual – PAA Maranhão*, o governador *Flávio Dino* prestou uma homenagem ao secretário, lembrando suas ações durante os 3 anos e 3 meses de governo.
 _” *Adelmo Soares aceitou a missão de criar uma secretaria do zero e a transformou em uma das mais atuantes do governo*. Sempre uso as redes para acompanhar as ações de todo meu secretariado e vejo no dia a dia que o Adelmo está sempre em campo, arregaçando as mangas para beneficiar o agricultor e a agricultura familiar que mais precisam no Maranhão”_, atestou o governador.
Pela noite, em uma grande festa, Adelmo Soares recebeu o apoio do deputado federal *Weverton Rocha*, do deputado estadual *Bira do Pindaré* e do secretário de Estado de Comunicação e Articulação Política, *Márcio Jerry*. O caxiense também recebeu uma homenagem dos prefeitos *Chico Freitas, Dr. Santana, Edilomar, Jorge Oliveira, Laércio Arruda, Rodrigo Coelho, Ruivo, Washington e Zé Reis* por suas ações junto aos municípios no desenvolvimento da agricultura familiar e de outras áreas.
Também participaram, dez vice-prefeitos; o presidente da Fetaema, Chico Miguel e membros da federação; representantes do MST; movimentos sociais, articuladores, amigos e apoiadores.*

mar 20

Governo lança edital para contratação de professores para os Centros de Educa Mais

Resultado de imagem para oportunidade

O Governo do Maranhão divulgou, nesta quinta-feira (15), edital de processo seletivo simplificado para contratação temporária de 108 professores e formação de cadastro reserva, para atuarem nos Centros Educa Mais (Tempo Integral), situados nos municípios, nas zonas urbanas e rurais, das Unidades Regionais de Educação: Açailândia, Balsas, Barra Do Corda, Chapadinha, Caxias, Codó, Imperatriz, Itapecuru Mirim, Pedreiras, Pinheiro, Presidente Dutra, São João dos Patos, São Luís, Timon, Viana e Zé Doca.

As inscrições serão gratuitas e devem ser realizadas a partir das 0h de segunda-feira (19) até às 23h59 do dia 23 (sexta-feira), exclusivamente, pelo endereço eletrônico da Secretaria de Estado da Educação (Seduc): www.educacao.ma.gov.br.

O candidato deverá preencher a ficha de inscrição, disponibilizada no portal da Seduc, e entregá-la junto com os documentos e títulos, no período de 19 a 26 de março, das 13h às 19h, conforme endereços indicados no edital do seletivo, também disponível no site da secretaria.

O processo seletivo para professores para atuarem na Educação Básica, nos Centros Educa Mais, será composto de Avaliação Curricular de Títulos e experiência profissional docente, e será realizado em etapa única. O seletivo tem caráter eliminatório e classificatório e serão considerados aprovados os candidatos que comprovarem possuir os requisitos básicos necessários à disciplina pleiteada.

Os candidatos, dentro do limite de vagas, serão contratados pela Seduc em regime de 40 horas de trabalho semanais.

A divulgação do resultado parcial do seletivo está prevista para o dia 14 de abril. Já a homologação do resultado final está prevista para o dia 25 de abril.

http://www.educacao.ma.gov.br/files/2018/03/EDITAL-N%C2%BA-004-2018-Processo-Seletivo-dos-Centros-Educa-Mais.pdf

mar 16

“O PIB do Maranhão cresceu mais que o da China”, destacou embaixador chinês em visita a Flávio Dino

A visita institucional teve como objetivo a aproximação entre os dois países e o estímulo a investimentos, com intercâmbio econômico dos empresários.

O embaixador Li Jinzhang e os empresários visitantes agradeceram a receptividade e destacaram o crescimento do PIB do estado noticiado pelo jornal Folha de São Paulo na última semana.

“O PIB do Maranhão cresceu mais do que o da China, isso mostra que o povo é trabalhador e que o governo está fazendo um bom trabalho”, afirmou.

Segundo o levantamento divulgado, o Produto Interno Bruto (PIB), a soma das riquezas produzidas no estado, teve crescimento de aproximadamente 10%. O crescimento chinês ficou em 6% em 2017 de acordo com o diplomata.

O embaixador também falou do interesse do país na aproximação: “Foi a primeira vez que tantos empresários me acompanharam numa visita. O Maranhão tem grande vantagem geográfica,  tem grandes potencialidades, acreditamos no desenvolvimento do estado e queremos participar dele”, declarou.

Desenvolvimento

O governador Flávio Dino agradeceu o interesse e destacou a geração de oportunidades para os maranhenses com as tratativas.

“Nós estamos prosseguindo o diálogo que iniciamos com o governo Chinês, com empresários chineses visando a ampliação de investimentos para o Maranhão”, afirmou.

Ele também comentou algumas das oportunidades já confirmadas: “Estamos assistindo a confirmação do investimento no complexo portuário de São Luís, teremos na próxima semana a missão atinente à siderurgia, e, dando passo a passo, com muita seriedade, temos esse ciclo de investimentos no nosso estado que é muito importante para a geração de oportunidades de negócio para empresas maranhenses e oportunidades de emprego de milhares de pessoas”, completou.

mar 12

Funcionários dos Correios entram em greve a partir desta segunda-feira

Motivo é possível mudança nos planos de saúde e fechamento de agências

Resultado de imagem para correios entram em greve

Funcionários dos Correios entrarão em greve a partir desta segunda (12) em todo o Brasil por tempo indeterminado. Apesar de a paralisação estar marcada para começar amanhã, profissionais que trabalham de madrugada já entram em greve a partir das 22h deste domingo.

Ainda não há determinação para que se mantenha um percentual mínimo de funcionários trabalhando. Nas greves de 2017, o número de pessoas que aderiram à paralisação não ultrapassou mais de um quarto dos servidores da categoria.

Segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (FENTECT), a paralisação é motivada principalmente por mudanças no plano de saúde dos funcionários que envolvem a retirada de cobertura de pais, cônjuges e filhos e a cobrança de mensalidades.

Após tentativas sem sucesso de acordo entre a empresa e os funcionários, o impasse será julgado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) a partir desta segunda.

Em nota à imprensa, os Correios afirmam que não conseguem sustentar financeiramente o plano de saúde: “A forma de custeio do plano de saúde dos Correios segue, agora, para julgamento pelo TST. A empresa aguarda uma decisão conclusiva por parte daquele tribunal para tomar as medidas necessárias, mas ressalta que já não consegue sustentar as condições do plano, concedidas no auge do monopólio, quando os Correios tinham capacidade financeira para arcar com esses custos.”

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress